«Na minha cabeça só queria que o jogo acabasse»

Seleção 10-07-2021 19:25
Por Redação

Éder inscreveu o nome na história da Seleção Nacional a 10 de julho de 2016. Lançado aos 79’, o avançado marcou, aos 109’, o golo da vitória de Portugal diante de França (1-0 ap) na final do Campeonato da Europa.

 

«No futebol tudo acontece muito rápido, mas para mim não foi bem assim. Vi a bola partir do meu pé esquerdo e tudo passou a mover-se muito lentamente. Na minha cabeça só pensava ‘acerta na baliza’. Depois a bola entrou e foi inacreditável. Toda a gente no campo, uma explosão enorme de alegria. Eu só queria que o jogo acabasse depois daquilo – parece que demorou mais uma eternidade – nós só queríamos ser campeão. A ansiedade foi enorme nesse momento», explicou à Soccerbible.

 

Atualmente sem clube, Éder não esqueceu também as palavras de Cristiano Ronaldo, el que saiu lesionado ainda no primeiro tempo.

 

«Lembro-me que durante o prolongamento tentou passar-nos muita confiança. Depois, chegou ao balneário e disse-nos que tínhamos feito um trabalho fantástico e que aquele era o título mais importante da carreira. Ver alguém como o Ronaldo, que já ganhou tudo, dizer aquilo é absolutamente incrível. Tornou o momento ainda mais especial», concluiu.

Ler Mais
Comentários (3)

Últimas Notícias

Mundos