Empresário revela que Embaló foi dispensado e desprezado

Benfica 12-05-2022 19:39
Por Redação

Cátio Baldé, empresário de Úmaro Embaló, revelou que o extremo foi dispensado pelo Benfica, não entrando nas contas para a próxima temporada. Com contrato com as águias até 2024, o jogador, de 21 anos, tem permissão para encontrar novo clube para prosseguir a carreira.

 

Na presente época, Embaló foi utilizado por 30 vezes na equipa B, tendo assinado 12 assistências e quatro golos.

 

Cátio Baldé deixa várias críticas à forma «lamentável» como a SAD encarnada geriu a carreira do jogador, recordando a gorada transferência de Embaló para o Leipzig, por 20 milhões de euros, em 2018. «Só os responsáveis de então poderão falar realmente sobre o que aconteceu», alega o empresário, revelando também um acordo com o Southampton que caiu, explicando Cátio Baldé que a transferência não foi fechada devido a «comissões absurdas» exigidas pelo empresário César Boaventura.

 

Cátio Baldé diz estranhar a falta de oportunidades de Embaló na equipa principal e aponta que o atleta foi «desprezado» pelo Benfica. «Em janeiro, o Basileia quis o Úmaro, houve uma proposta de 3,5 milhões de euros por 50 por cento do passe. Houve acordo para a transferência, mas, de repente, o Benfica voltou atrás, alegando que queriam que o Embaló ficasse porque teria uma oportunidade na equipa principal», contou ainda o empresário, terminando : «Hoje é chutado e desprezado completamente pelo Benfica (...)  Dói e é revoltante. Não entendo e nem aceito explicações desonestas. O Úmaro merecia respeito e dignidade.»

 

Ler Mais
Comentários (94)

Últimas Notícias