Portugal vence Bélgica e está na final do 'play-off' do Mundial-2023

Futebol Feminino 06.10.2022 19:59
Por Pedro Cadima

Um golo de Fátima Pinto apurou Portugal para eliminatória final de um play-off de acesso ao Mundial entre os melhores segundos classificados da zona europeia. Sobra a Islândia nessa caminha e o jogo acontece em Paços de Ferreira.


Numa reta final de cortar a respiração, carregada de muito suspense, a seleção portuguesa multiplicou o seu desejo de não perder tempo com a Bélgica num prolongamento e eventuais penáltis e apressou-se em dar tudo nos minutos finais, levando a um descuido fatal da defesa Tysiak, que havia entrado minutos antes. Num derrube ostensivo a Diana Silva no limite da área, a belga parecia dar ensejo a Portugal de uma resolução do encontro da marca de penálti. A decisão passou pelo VAR, convertida ficou num livre à entrada da área e na expulsão da defensora. Carole Costa acertou na trave com defesa ainda de Evrard, valendo o canto da glória, aparecendo Fátima Pinto a cabecear ao segundo poste para fazer o 2-1. Alma e paixão lusitana a fechar o encontro e uma compensação clara para quem quis sempre ganhar o jogo de forma muito mais acentuada.


A vantagem cedo alcançada por Diana Silva dava expressão a um futebol mais ofensivo mas uma quebra de concentração motivou a Bélgica, que seria bafejada por um penálti que resultou de mão de Marchão. Infelicidade para a lateral que cruzara com conta peso e medida para o 1-0. O intervalo chegava com esse empate penalizador, não pelo caudal sucessivamente díspares das equipas, mas sim pela natureza algo fortuita do golo belga. 


Francisco Neto foi gostando da postura das suas jogadoras na 2ª parte e o alento na procura da vitória chegou com a entrada de Andreia Jacinto. Antes da eletrizante ponta final já se haviam gorada chances em disparos de Fátima Pinto e Jéssica Silva. A obtenção do 2-1 rendeu autêntica explosão de alegria em Vizela, até porque se percebeu que a vitória já não tinha como fugir. As atletas exaltaram a sua satisfação no final e muito confraternizaram com o público. Falta agora vencer a Islândia por um lugar inédito no Mundial


Portugal irá defrontar, na 2.ª ronda do ‘play off’, já na próxima terça-feira, dia 11 do corrente mês, a Islândia, no Estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira (18 horas).


Recorde aqui as principais incidências do encontro de Vizela, desta 1.ª ronda do ‘play off’.


19h55m - ACABOU, VITÓRIA DE PORTUGAL, 2-1 diante da BÉLGICA. Portugal vai defrontar a Islândia, na 2.ª ronda do 'play off', terça-feira, dia 11 do corrente mês diante da Islândia, no Estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, a partir das 18 horas. O Mundial da Oceânia-2023 (Austrália/Nova Zelândia) está mais perto...

90+6' - Substituição em Portugal: Andreia Norton dá o seu lugar a Vanessa Marques.

90+4' - Evrard por duas vezes a negar o 3-1 a Portugal, defendendo os remates de Andreia Norton e Andreia Jacinto, na mesma jogada!

90+1' - Substituição na Bélgica: entra Van Mechelen para o lugar de Biesmans, sai Cayman e entra De Caigny, e ainda Van Havermaet para o lugar de Missipo. É o tudo por tudo da Bélgica, com menos uma jogadora em campo. A árbitra concedeu cinco minutos de compensação na segunda parte. Sofre-se em Vizela...

89' - GOLO DE PORTUGAL, 2-1, POR FÁTIMA PINTO, a cabecear na pequena área após canto da direita cobrado por Joana Marchão - segunda assistência...

88' - Livre de Carole Costa, Evrard desvia para a barra... e canto!

87' - Após recurso ao monitor e ver o lance, a árbitra ucraniana considera falta ainda fora da área - livre. E muda a cor do cartão (bem) a Tysiak, que é expulsa, com cartão vermelho direto (Diana Silva estava isolada) a Bélgica fica em desvantagem numérica, livre perigoso para Portugal.

86' - Penálti para Portugal: grande passe de Andreia Norton a desmarcar Diana Silva, que é derrubada por Tysiak dentro da área, já. A jogadora belga vê o cartão amarelo. A árbitra ainda vai ao monitor ver as imagens, alertada pelo VAR.

79' - Substituição na Bélgica: sai De Neve, entra Tysiak. Em Portugal, sai Jéssica Silva e entra Ana Capeta, e Dolores Silva cede o seu lugar a Andreia Jacinto. Três substtuições de uma assentada, uma na Bélgica, duas na Seleção Nacional de Portugal.

78' - Mais uma iniciativa de Ana Borges - belo jogo - pela direita, a servir da direita Andreia Norton, que, de primeira, fez uma 'rosca', acertando mal na bola. Mas Portugal volta a colocar a Bélgica em sentido.

72' - Susto para Portugal: golo anulado a Wullaert e à Bélgica, num contra-ataque rapidíssimo, por posição ilegal da capitã belga na altura do passe de Biesmans, confirmada após recurso ao VAR da árbitra ucraniana. Durante alguns segundos, susteve-se a respiração em Vizela, mas as imagens televisivas provam a posição irregular e a boa decisão da equipa de arbitragem.

70' - Lance perigosíssimo da Bélgica, bola bombeada para a direita, com Wullaert a ver bem a corrida de Cayman, que centrou para Van Kerkhoven: valeu dominar mal... e Patrícia Morais agarrou. Estavam duas belgas soltas na área lusitana, mais um calafrio...

69' - Substituição na Bélgica: sai Dhont, entra Delacauw.

65' - Cartão amarelo a Philtjens, falta dura sobre Tatiana Pinto.

64' - Livre de Joana Marchão e surge Diana Gomes ao segundo poste... a dominar mal, com a coxa, em excelente posição.

58' - Jéssica Silva dispara... a rasar a trave! Mais uma enorme perdida da Seleção Nacional, após excelente jogada!

50' - Joana Marchão centra da esquerda, bola é rechaçada pela defesa belga e à entrada da área, em posição frontal, Fátima Pinto estoira para grande voo e estupenda defesa (por cima da trave) de Evrard, para canto! Portugal muito perto do 2-1, valeram os reflexos da guardiã belga!

48' - Falta sobre a guardiã portuguesa, Patrícia Morais, indiscutível, após um canto para a Bélgica em que, na confusão, a bola acabou mesmo dentro da baliza de Portugal... mas não valeu. E bem.

19h04m - 46' - Começa a segunda parte em Vizela, 1-1. Não há substituições em alguma das seleções.

18h49m - 45'INTERVALO EM VIZELA, 1-1 NO PORTUGAL-BÉLGICA. 

44' - Fátima Pinto tenta pontapé de bicicleta, na grande área belga... e o remate é travado, involuntariamente, por Jéssica Silva, que ainda tentou desviar-se da trajetória, mas não deu.Dois minutos de tempo de compensação, concede a árbitra ucraniana, nesta primeira parte.

42' - Joana Marchão, em boa posição, remata... por cima do travessão.

40' - 1-1, GOLO DA BÉLGICA, WULLAERT, DE PENÁLTI. Atirou alto e colocado, para a direita de Patrícia Morais, que bem se esticou... mas não conseguiria lá chegar. Completamente contra a corrente do jogo, a Bélgica empata. Volta tudo ao princípio...

38' - VAR analisa imagens: remate de Cayman, bola no braço esquerdo de Joana Marchão na grande área portuguesa: penálti favorável à Bélgica, e cartão amarelo a Joana Marchão.

37' - Patrícia Morais não agarra um centro da esquerda e larga para a sua frente, mas a defesa conseguiu esconjurar o perigo. Primeira intervenção mais apertada da guardiã lusa.

33' - Portugal está melhor, entra melhor na área adversária. A Bélgica sentiu o golpe do golo lusitano. Joana Marchão sofre falta de Missipo e fica estendida no relvado.

29' - 1-0 para PORTUGAL, GOLO DE DIANA SILVA. Andreia Norton recuperou a bola, Joana Marchão centrou da esquerda, Diana emendou de primeira... com a coxa esquerda, Evrard nem esboçou a defesa. Portugal em vantagem!

27' - Boa iniciativa de Andreia Norton pela direita, com drible sobre duas adversárias, mas o remate saiu fácil para Evrard agarrar.

23' - Falta dura de Philtjens sobre Andreia Norton. Também poderia ter saído mais um 'amarelo' para as belgas, sem exagero...

20' - Cartão amarelo para Cayman (Bélgica), após entrada mais dura sobre Dolores Silva.

17' - Bélgica teve um canto a seu favor, mas Portugal acaba por resolver a situação. Toada equilibrada, com a Bélgica a chegar mais, mas Portugal a, quando lá chega, ser mais acutilante e incisivo nas transições.

12' - Cruzamento de Ana Borges, Jéssica Silva cabeceia... mas para defesa fácil da guardiã belga, Evrard.

10' - Além do Portugal-Bélgica, há ainda esta quinta-feira, também do 'play off' europeu, mais dois jogos: País de Gales-Bósnia Herzegovina e Escócia-Áustria. Mais dois qualificados para o Mundial-2023 virão da Europa, pelo menos, e poderão ser três, tudo dependendo ainda de um último 'play off', este intercontinental, a realizar já na Nova Zelândia, dde 17 a 23 de fevereiro. Para já, há 27 seleções apuradas, faltam atribuir cinco das 32 vagas na fase final, de 20 de julho a 20 de agosto de 2023. Quem ganhar do Portugal-Bélgica, defronta na terça-feira, dia 11 do corrente mês, a Islândia, na 2.ª ronda do 'play off', no Estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira (18 horas).

5' - Primeira grande ocasião perdida por Portugal, Diana Silva, da esquerda, serve Jéssica Silva que em posição frontal remata... ao lado!

3' - Livre a favorecer a Bélgica, Portugal consegue esconjurar o perigo.

18h01m - 1º minuto de jogo; rola a bola em Vizela: começou o 'play-off'! 

Portugal é 27.º do ranking mundial, a Bélgica é 19.ª da hierarquia da FIFA.

ANTES DO INÍCIO DO JOGO - Sob arbitragem da ucraniana Kateryna Monzud, as equipas alinham da seguinte forma:

PORTUGAL (4x3x3): Patrícia Morais; Ana Borges, Diana Gomes, Carole Costa e Joana Marchão; Dolores Silva (capitã), Fátima Pinto e Tatiana Pinto; Jéssica Silva, Andreia Norton e Diana Silva;

Selecionador: Francisco Neto

Suplentes: Inês Pereira, Lúcia Alves, Andreia Jacinto, Ana Capeta, Suzane Pires, Kika Nazareth, Rute Costa, Bruna Lourenço, Andreia Faria, Vanessa Marques, Carolina Mendes e Telma Encarnação.

BÉLGICA (4x3x3): Evrard; Deloose, Kees, De Neve e Philtjens; Cayman, Missipo e Biesmans; Dhont, Van Kerkhoven e Wullaert (capitã);

Selecionadora: Ives Serneels

Suplentes: Lemey, Vangheluwe, Delacauw, Van Mechelen, Wijnants, Eurlings, Lichtfus, Tysiak, Vanhaevermai, Minnaert, De Caigny e Janssens;

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias