Allen vence Selby e avança para as 'meias' do British Open

Snooker 30.09.2022 16:43
Por António Barroso

O norte-irlandês Mark Allen, de 36 anos, 14.º do ranking, e o inglês Robbie Williams, de 35 anos, 61.º da hierarquia mundial, são os primeiros apurados para as meias-finais do British Open, prova da época 2022/23 da World Snooker a decorrer até domingo, 2 de outubro, em Milton Keynes, ao vencerem, na tarde desta sexta-feira, os dois primeiros jogos dos quartos de final na Marshall Arena da cidade inglesa.


No grande duelo entre os dois únicos sobreviventes do ‘top 20’, ‘The Pistol’ Allen superiorizou-se ao número quatro da hierarquia e tetracampeão mundial (2014, 2016, 2017 e 2021), o inglês Mark Selby, de 39 anos, vencendo por 5-3.


Um emocionante duelo, no qual Selby entrou com tudo para o 1-0 (entrada centenária, 123 pontos), mas com o norte-irlandês a chegar ao intervalo em vantagem por 3-1, a responder também com entrada de três dígitos na terceira partida (143 pontos!) e a fechar antes da pausa com ‘break’ de 75 pontos.


No reatamento, o nível altíssimo continuou, com o ‘Jester from Leicester’ (Selby) a encostar a 2-3 com outra centenária (entrada de 103 pontos) e a igualar 3-3, numa reviravolta típica sua.


Provou Selby do próprio veneno na decisiva sétima partida, em que teve o 4-3 nas mãos mas viu o homónimo Mark conquistar o ‘frame’ na última bola, a preta, para, no oitavo parcial, limpeza de mesa e nova estupenda centenária de Allen (126 pontos, só falhou a preta) fazer o 5-3 e avançar para as meias-finais: está a duas vitórias de conquistar o seu sétimo título em provas de ranking (tem seis, mais um Masters). Quatro centenárias em oito ‘frames’ resume a qualidade dos profissionais e do encontro.


No outro duelo da tarde, Robbie Williams – homónimo do famoso cantor - começou mal mas venceu cinco ‘frames’ de rajada (!) ante Lyu Haotian, para garantir, pela quarta vez na sua carreira, a presença numas meias-finais de uma prova de ranking: conseguira-o no Indian Open de 2013, no Ruhr Open de 2013 e no ‘Shoot Out’ 2022.


Robbie igualou o melhor registo da carreira em torneios e está, também, a duas vitórias de inédito título de ranking, após um duelo em que o asiático assinou as duas únicas entradas de 50 ou mais pontos, nos segundo e quarto ‘frames’… mas perdeu ambos: de 0-1 para o chinês, Williams fechou o jogo sem mais oposição a 5-1 e espera agora, tal como Mark Allen, o desenlace dos dois jogos dos ‘quartos’ na sessão noturna e o sorteio posterior, para saber quem defronta sábado nas ‘meias’, que se irão jogar às 13 e 19 horas. Falta saber é o acasalamento, a definir em sorteio ainda por realizar neste dia.


Às 19 horas locais (mesma hora em Portugal continental), defrontam-se o tailandês Noppon Saengkham, de 30 anos, 35.º da hierarquia, e o galês Jamie Jones, de 34 anos, 27.º da hierarquia mundial, enquanto na mesa ao lado outro galês, Ryan Day, de 42 anos, 25.º do ranking, medirá forças com o chinês Yuan Sijun, de 22 anos, 66.º da tabela mundial, encontros ainda à melhor de sete parciais: vence o primeiro a ganhar quatro (de 4-0 a possíveis 4-3). Em jogo, as restantes duas vagas nas meias-finais.


O British Open, prova da época 2022/23 da World Snooker pontuável para o ranking, iniciou-se na segunda-feira, dia 26 do corrente mês, e irá terminar domingo, dia 2 de outubro, na Marshall Arena, em Milton Keynes (Inglaterra).


A prova distribui £487 mil (€551.529) em prémios, das quais £100 mil (€113.250) ao campeão: o galês Mark Williams, vencedor da anterior edição do torneio, transmitido para Portugal (EuroSport).


As meias-finais do British Open são jogadas sábado, 1 de outubro, já à melhor de 11 parciais: vencem e avançam para a final os primeiros a ganharem seis (de 6-0 a possíveis 6-5).


Quartos de final, esta 6.ª feira (apurados a negro):

Mark Selby-Mark Allen, 3-5

Robbie Williams-Lyu Haotian, 5-1

Noppon Saengkham-Jamie Jones (19 horas)

Ryan Day-Yuan Sijun (19 horas)

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias