Ronnie/Reanne e Selby/Rebecca no Mundial de Pares Mistos

Snooker 09.08.2022 18:10
Por António Barroso

O inglês Ronnie O’Sullivan, de 46 anos, número um do ranking e heptacampeão mundial (2001, 2004, 2008, 2012, 2013, 2020 e 2022) terá como parceira no Campeonato do Mundo de Pares Mistos, nova prova da época 2022/23 da World Snooker a decorrer a 24 e 25 de setembro em Milton Keynes (Inglaterra) a compatriota Reanne Evans, de 36 anos, também ela campeã mundial feminina em 12 ocasiões, ditou o sorteio, realizado e divulgado pela World Snooker.


Já o inglês Mark Selby, de 39 anos, terceiro da hierarquia e tetracampeão mundial (2014, 2016, 2017 e 2021) terá como par a compatriota Rebecca Kenna, de 33 anos, quarta da hierarquia feminina.


Por seu turno, o atual vice-campeão mundial e conquistador do cetro no Crucible em 2019, o (também) inglês Judd Trump, de 32 anos, número dois do ranking, vai ter a seu lado a digladiar-se no pano verde a tricampeã mundial feminina Ng On Yee, de 31 anos, natural de Hong Kong. Já a atual campeã mundial feminina (2022), Nutcharut Wongharutai (‘Mink’), de 23 anos, será a companheira de equipa do australiano Neil Robertson, campeão mundial em 2010 e quarto da hierarquia.


A nova prova, por convite e reservada aos quatro melhores e às quatro melhores do snooker mundial – ainda sem prémios anunciados – terá lugar na Marshall Arena, da cidade inglesa, no sistema de ‘todos contra todos’, em jogos de quatro ‘frames’ com visitas à mesa alternadas por jogadores e jogadoras (e não uma tacada um, a seguinte o outro).


Os jogos serão disputados em duas mesas, sempre às 13 e 19 horas locais (mesma hora em Portugal continental). Com a vitória em cada um dos ‘frames’ dos três jogos a valer um ponto, os dois pares mais bem classificados disputarão a final, na noite de domingo, dia 25 de setembro (19 horas), à melhor de sete parciais: vence a primeira dupla a ganhar quatro ‘frames’ (de 4-0 a possíveis 4-3). O torneio é transmitido pela TV para Inglaterra pela ITV, e não há transmissão televisiva agendada para Portugal.


É a primeira prova mista de altíssimo nível em 31 anos: desde 1991 que não havia um torneio de pares mistos deste nível quando os ingleses Steve Davis e Allison Fisher venceram em Hamburgo (Alemanha).

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias