Sócios aprovam contas com saldo negativo

Paços de Ferreira 25-11-2021 23:21
Por Pedro Cadima

Os sócios do Paços de Ferreira aprovaram em assembleia geral o Relatório e Contas referente a 2020/21. Um parecer favorável dado por meia centena de associados, mesmo confrontados com um saldo negativo de pouco mais de um milhão de euros.

 

Um contexto explicado pela Direção de Paulo Meneses, justificado por aumento de despesas, adaptação do estádio à covid-19 e gastos de 200 mil euros para a realização de testes. A pandemia gerou inevitáveis transtornos e acarretou uma logística muito mais complexa e dispendiosa.

 

Paralelamente deu-se a natural diminuição de receitas, redução drástica da quotização dos sócios. É também apresentado um suporte de mais de um milhão de euros com o plantel, ao nível de técnicos e jogadores.

 

Como receitas foram apresentados fluxos da participação europeia e também da venda de Douglas Tanque ao Khorfakkan dos Emirados Árabes Unidos. De qualquer modo, o saldo de tudo dá um exercício negativo composto em 264 mil euros de prejuízo efetivo operacional e 933 mil euros em amortizações e depreciações.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias