Mau registo de Koeman contra os 'tubarões'

Barcelona 25-10-2021 11:50
Por Redação

Focar no presente e ir jogo a jogo. É este o mote já dado várias vezes por Ronald Koeman, relativamente à forma como espera que o clube e a equipa olhem para o atual momento delicado que o Barcelona está a atravessar. Mas o argumento do técnico holandês parece começar a esgotar-se junto dos adeptos e da direção do clube, uma vez que os resultados têm tardado a aparecer.


Mais do que maus resultados, uma das principais críticas apontadas ao Barcelona de Koeman tem sido a postura em jogos contra equipas de maior poderio: os chamados 'jogos grandes'. O clássico deste domingo frente ao Real Madrid foi uma amostra daquilo que tem sido a equipa catalã contra os 'grandes' desde a chegada de Koeman ao comando técnico.


A equipa parece ter dificuldades em ligar o jogo ofensivamente e em posicionar-se quando é forçada a defender contra este tipo de adversários, que não precisam de fazer grandes exibições para, pelo menos, anular o jogo dos blaugrana.


Desde que chegou ao banco dos catalães, Ronald Koeman venceu apenas três dos 16 jogos 'grandes' que enfrentou, tendo empatado outros três e somado 10 derrotas em confrontos de dificuldade acima da média, em apenas uma época e meia realizada na Catalunha.


A análise dos espanhóis do Sport é realizada tendo em conta os embates contra os 'tubarões' da Liga dos Campeões e os principais clubes do campeonato espanhol (Sevilha, Atlético de Madrid e Real Madrid). Neste tipo de encontros, o Barcelona só conseguiu manter a baliza intacta por uma ocasião, tendo sofrido 27 golos e marcado apenas 13, nos 16 jogos 'grandes' referidos desde a chegada do técnico holandês.


A moral da equipa está claramente afetada por este registo negativo, mais um para somar à forte crítica da qual está a ser alvo Ronald Koeman. Os próximos desafios serão cruciais para a recuperação anímica da equipa e para a continuidade do treinador à frente do comando técnico dos blaugrana.

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias