FC Porto derrota Sporting no primeiro jogo da meia-final

Basquetebol 22-05-2022 18:35
Por Miguel Candeias

Controlando totalmente a partida a partir da segunda parte, na qual o Sporting não encontrou os espaços para lançar nem a eficácia que havia conseguido no primeiro tempo em que chegou a liderar por 9 (19-28) e atingido o intervalo com a ganhar por um (38-29), o FC Porto adiantou-se na caminhada para a final da Liga Betclic ao vencer o Jogo 1 da meia-final, disputada à melhor de cinco, por 87-68 (22-28, 16-11, 27-14, 22-15).

 

Foi Charlon Kloof (11 pts, 2 res, 5 ass) quem começou por fazer a diferença logo após o regresso dos balneários ao atacar diretamente o cesto sem que alguém o conseguisse travar, sem ser em falta, para marcar ou assistir.

 

Com o base neerlandês explosivo, os donos da casa construíram um parcial de 13-0 (51-39) ao qual os campeões nacionais apenas conseguiram reduzir para 5 (51-46) após um triplo de Travante Williams (12 pts, 6 res, 8 ass). No entanto, a partir daí, os nortenhos estiveram quase sempre em crescendo tanto no jogo interior, onde se destacou Mike Morrison (14 pts, 7 res) como no exterior, conseguindo até os triplos que haviam escasseado na primeira parte.

 

Com Travante e Diogo Ventura (6 pts, 6 ass) em quebra na organização do ataque dos lisboetas, o Sporting desfez-se, física e psicologicamente na defesa no último quarto sem que, muitas vezes, os jogadores recuperassem após turnover – e foram 19(!) - ou estivessem focados nas trocas defensivas, o que permitiu que os azuis e brancos chegassem a deter a vantagem máxima de 23 (82-59) a 3 minutos do apito final.

 

Privado dos americanos Tanner Omlid (será operado quinta-feira) e Micah Downs, estará pelo menos ausente no Jogo 2, terça-feira, Luís Magalhães ainda tentou utilizar Joshua Patton, outro dos habituais elementos do cinco principal, mas bastaram 5 minutos para ver que o poste também não estava em condições de continuar.

 

No FC Porto destaque ainda para Rashard Odomes (16 pts, 8 res, 4 ass), Jonathan Arledge (15 pts, 5 res, 3 ass) e Francisco Amarante (10 pts, 4 ass, 4 rbl). Enquanto nos forasteiros Shakir Smith (11) e Diogo Araújo (11 pts, 5 rs) contribuíram para que o desaire não fosse ainda mais pesado

Ler Mais
Comentários (8)

Últimas Notícias

Mundos