Tribunal russo prolongou prisão preventiva de basquetebolista norte-americana

Basquetebol 13-05-2022 17:00
Por Redação

Continua o calvário de Brittney Griner. Retida em Moscovo desde fevereiro, a base norte-americana de 31 anos vai continuar em prisão preventiva até 18 de junho, de acordo com a TASS, agência de notícias russa.

 

Bicampeã olímpica, Brittney Griner aproveitou a paragem da WNBA para disputar o campeonato russo. Contudo, quando regressava para os Estados Unidos foi parada pelas autoridades portuárias por suspeita de tráfico de estupefacientes, o que resultou na ordem de detenção.

 

Caso se confirme a acusação, a jogadora pode enfrentar uma pena de prisão que chega aos 10 anos.

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias