Acabou o Euro para Portugal, começam os rumores de transferência. Seis jogadores da seleção com o futuro incerto

Desporto 29-06-2021 08:27

Existem (pelo menos) seis jogadores desta Seleção que poderão trocar de clube durante este mercado de transferências. De Cristiano Ronaldo a Nuno Mendes, conheça os futebolistas com futuro incerto no seu emblema para a próxima temporada.

José Carlos Lourinho

O Euro2020 terminou para o campeão europeu e para alguns da Seleção, começa agora a presença ainda mais assídua nas notícias referentes ao mercado de transferências. São seis os jogadores da equipa das Quinas cujo futuro permanece incerto e que poderá ser definido durante o próximo mês.

Cristiano Ronaldo
Está a um ano de terminar o contrato com a Juventus mas o seu futuro está em aberto com Inglaterra e França a liderarem os destinos do craque português. De Itália chegam os relatos de que a vecchia signora não se importaria de libertar-se do peso salarial de Cristiano Ronaldo: 31 milhões de euros líquidos por ano que acabam por ter um peso de 86 milhões nas contas da Juventus. Marcou 36 golos em 44 jogos na época passada pela Juventus e apontou cinco golos no Euro 2020.

Renato Sanches
Tem mais dois anos de contrato com o Lille mas as exibições no campeão francês esta temporada, assim como no Euro 2020, parecem ter dado um novo alento à carreira do médio-centro de 23 anos que custou 35 milhões de euros ao Bayern de Munique em julho de 2016. Avaliado em 30 milhões de euros, a imprensa desportiva tem apontado um novo rumo para a carreira de Renato Sanches ou mesmo um regresso a uma casa onde não foi feliz. Os campeões alemães têm uma cláusula de 30 milhões de euros que lhes possibilita recomprar o passe.

Bernardo Silva
Depois da conquista da Premier League e da chegada à final da Liga dos Campeões, adivinhava-se um grande Europeu de Bernardo Silva, a competição internacional que iria confirmar todo o talento do esquerdino do Manchester City, após a ausência por lesão em 2016. Mas o Euro 2020 não correu de feição a Bernardo Silva que, durante os dias em que esteve no Europeu, viu o seu nome envolvido em possíveis trocas de jogadores que o poderiam levar para o Barcelona.

João Moutinho
Aos 34 anos, o médio do Wolverhampton tem mais um ano de contrato com a equipa inglesa. Depois de ser parte integrante da Seleção campeã europeia em 2016, Fernando Santos não abdicou do experiente médio e levou-o como solução de recurso à dupla que já estava idealizada para o meio-campo: Danilo e William Carvalho. O selecionador emendou a mão e recuperou Moutinho para o onze para uma dupla com Renato Sanches. O regresso a Portugal está em cima da mesa com o FC Porto a demonstrar interesse no regresso do médio formado no Sporting.

Sérgio Oliveira
Esteve no melhor onze da Liga dos Campeões esta temporada. As excelentes exibições pelo FC Porto e os golos marcados (20 tentos em 48 jogos, num registo fora de série para um médio) convenceram Fernando Santos a levá-lo ao Europeu, competição onde apenas teve oportunidade se exibir durante 14 minutos. Apesar dos poucos minutos, Sérgio Oliveira foi o nome mais falado no boletim de transferências: a oportunidade de rumar à Fiorentina esfumou-se, mas o Tottenham poderá bater os 20 milhões suficientes para levar o médio a fazer o melhor contrato da carreira aos 29 anos.

Nuno Mendes
O jogador mais valioso do Sporting foi chamado para ser alternativa a Raphael Guerreiro mas acabou por não ter oportunidades durante o Euro, sobretudo devido a uma lesão que impossibilitou a sua participação nesta competição. A falta de minutos não esmoreceu o interesse no defesa-esquerdo, com as principais equipas de Manchester a interessarem-se pela contratação do jovem lateral de 19 anos.

Ler Mais