Volta a Portugal apresentada de modo virtual

Ciclismo 24-07-2021 08:37
Por Fernando Emílio

«Depois do calvário de mais de um ano e meio que afastou a Volta a Portugal de cumprir um dos seus maiores requisitos, que é, no verão, constituir-se como o principal evento e o mais popular, que leva o colorido a casa das pessoas, esperamos finalmente, neste agosto, dar um pouco desse cheirinho de normalidade às pessoas», desejou Joaquim Gomes, diretor da prova rainha do calendário nacional do ciclismo, ontem, na apresentação virtual da 82.ª edição, que irá para a estrada de 4 a 15 de agosto.


Sempre que o percurso da Volta a Portugal é oficializado, aguardam-se algumas surpresas mas, no caso, elas não se verificaram, confirmando-se a estreia de Ponte de Sor no mapa da prova e as etapas já avançadas por A BOLA no início de junho.

 

Sabendo-se que são os ciclistas que fazem as corridas mais fáceis ou difíceis, o percurso desenhado por Gomes, com cinco chegadas em altitude, é dos mais complicados dos últimos anos, obrigando os diretores desportivos a estudar ao pormenor os pontos mais importantes da corrida, que não diferem muito dos últimos anos, ao  assentarem nas chegadas à Torre e Senhora da Graça, e no contrarrelógio final em Viseu.

 

Dizem os compêndios do ciclismo que as provas não se ganham nas etapas mais difíceis, mas se podem perder nas, teoricamente, mais acessíveis, onde se inclui o prologo em Lisboa e os finais armadilhados em Setúbal. Em breve resumo, podemos dizer que esta será edição para trepadores de equipas fortes e com operários preparados para várias situações de corrida, já que o menor descuido deita por estrada todo o ano de trabalho. «Tenho a certeza de que no dia 15, em Viseu, iremos encerrar esta Volta com muito sucesso», assegura Joaquim Gomes
 

ETAPAS

4 de agosto: Prólogo,    Lisboa-Lisboa (CRI)    5,4 quilómetros
5 de agosto:    1.ª etapa,   Torres Vedras-Setúbal    175,8
6 de agosto:    2.ª etapa,    Ponte de Sor-Castelo Branco    162,1
7 de agosto:    3.ª etapa,   Sertã-Covilhã (Torre)    170,3
8 de agosto:   4.ª etapa,   Belmonte-Guarda    181,6
9 de agosto:    Descanso na Guarda
10 de agosto:    5.ª etapa,    Águeda-Santo Tirso    170,9
11 de agosto:    6.ª etapa,   Viana do Castelo-Fafe    182,4
12 de agosto:    7.ª etapa,   Felgueiras-Bragança    193,2
13 de agosto:    8.ª etapa,   Bragança-Montalegre    160,7
14 de agosto:    9.ª  etapa,  Boticas-Senhora da Graça    145,5
15 de agosto:    10.ª etapa,   Viseu-Viseu (CRI)    20,3
Total 1.568,2 km

 

EQUIPAS (19)

 

NACIONAIS - W52-FC Porto, Efapel, Tavfer-Measindot-Mortágua, Louletano-Loulé Concelho, Antarte-Feirense, Kelly-Simoldes-Udo, Radio Popular-Boavista, LA Alumínios-LA Sport e Atum General-Tavira- M. N. Hotel.


INTERNACIONAIS - Movistar, Caja Rural-Seguros RGA, Euskaltel-Euskadi, Burgos-BH e Kern Pharma (Espanha); Bingoal-Wallonie Bruxelas (Bélgica); Rally Cycling (EUA); Israel Cycling Academy (Israel), Vini Zabú (Itália) e SwiftCarbon (Gbr)
 

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias

Mundos