Itália recusa acusações de doping a Lamont Jacobs

JOGOS OLÍMPICOS 03-08-21 10:10
Por Redação

Giovanni Malago, presidente do Comité Olímpico Italiano, refutou, esta terça-feira, as acusações de que Lamont Marcell Jacobs foi alvo. O atleta italiano, com raízes nos Estados Unidos, ganhou a medalha de ouro nos 100 metros em Tóquio, com uma marca de 9,80 segundos, um recorde europeu.

«Algumas acusações que têm sido feitas acho que deviam fazer corar as pessoas que as proferiram. Estamos a falar de atletas que são submetidos a controlos diários. Tendo em conta este controlo apertado, acho ainda mais impressionante o feito do Lamont. Só mostra com algumas pessoas não conseguem aceitar a derrota», desabafou Malago à RAI.

Recorde-se que as suspeições foram levantadas pelo jornal norte-americano Washington Post, que mostrou ceptcismo que a melhoria apresentada por Jacobs em Tóquio.