Ciclismo: Ouro para Roglic no contrarrelógio, portugueses longe do pódio

JOGOS OLÍMPICOS 28-07-21 11:39
Por Redação

Os corredores portugueses João Almeida e Nélson Oliveira terminaram a prova de contrarrelógio dos Jogos Olímpicos de Tóquio nos 16.º e 21.º lugares, respetivamente.

O esloveno Primoz Roglic, de 31 anos, cumpriu o percurso de 44,2 quilómetros em Fuji com o tempo de 55.04 minutos e sagrou-se campeão olímpico. O holandês Tom Dumoulin ficou com a medalha de prata e o australiano Rohan Dennis com a de bronze.

João Almeida, campeão nacional da especialidade, foi o melhor português ao terminar a 3.29 minutos do vencedor, Nélson Oliveira ficou a 3.55.

Maria Martins será a última representante portuguesa no ciclismo com participação inédita na prova de omnium, de ciclismo de pisto, marcada para 8 de agosto.