SC Braga elimina Benfica e está na final da Taça Revelação

TAÇA REVELAÇÃO 05-05-21 6:9
Por Eduardo Pedrosa Marques

O SC Braga está na final da Taça Revelação, depois de eliminar o Benfica. O empate (1-1) no final do tempo regulamentar e, também, no final do prolongamento, levaram a decisão para os penáltis e, da marca dos onze metros, foram mais eficazes os minhotos, que venceram por 3-1. 

Numa partida referente à 2.ª mão das meias-finais da competição, realizada na tarde desta quarta-feira, no Benfica Campus, no Seixal, os bracarenses conseguiram virar a eliminatória a seu favor, depois do empate (1-1) verificado na 1.ª mão, chegando ao golo por Eduardo Ribeiro, aos 42 minutos, na sequência de um cruzamento da esquerda da Leonardo Buta. 

Na etapa complementar, o Benfica intensificou o domínio e a pressão, mas só conseguiu chegar ao empate no último lance, por intermédio de David Barrero. O avançado colombiano, de livre direto, fez um grande golo e levou o jogo para prolongamento. 

Nos 30 minutos adicionais, onde a intensidade baixou, fruto do desgaste físico dos jogadores, coube a Luís Semedo dispor da melhor situação para marcar, mas o avançado do Benfica rematou à barra. 

No desempate por penáltis, a sorte acabou por sorrir ao SC Braga, que venceu por 3-1. Miguel Vilela, Eduardo Ribeiro e Bruno Pelegrini marcaram para os minhotos e Luís Semedo para os encarnados. 

A final da Taça Revelação, entre Estoril e SC Braga, está marcada para a próxima terça-feira, no Estádio Dr. Magalhães Pessoa, em Leiria.

Quem conquistar a competição sucede ao Aves, vencedor da primeira edição da prova, em 2018/2019 – na temporada passada a Taça Revelação foi cancelada devido à pandemia de Covid-19 -, depois de bater o Rio Ave, na final, por 2-0, num encontro disputado no Estádio Municipal de Águeda.