«Crescimento económico ainda vai demorar» - Governadora do Banco Central

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE 22-06-14 6:28
Por Redação

«O crescimento económico de São Tomé e Príncipe ainda vai demorar», palavras de Maria do Carmo Silveira, governadora do Banco Central (BC), desvalorizando as previsões do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do Banco Mundial (BM) sobre o aumento de 5% do Produto Interno Bruto (PIB) previsto para 2014. «A estratégia nacional de luta contra a pobreza, adotada em 2012 e que faz parte de um dos compromissos que assumimos com os nossos parceiros internacionais, estabelece que, para se combater a pobreza em São Tomé e Príncipe, a economia deve crescer, no mínimo, 6%.Ora, estamos há cerca de três anos a crescer abaixo desse mínimo, absolutamente necessário para que possa haver desenvolvimento», acrescentou Maria do Carmo Silveira, referindo, em jeito de conclusão, ter «algumas dúvidas em relação às estimativas do BM e FMI em relação ao crescimento do PIB são-tomense para este ano.